Raças

Conheça o São Bernardo: comportamento, cuidados e preço

São Bernardo

Muito antes de conhecermos a raça São Bernardo nas telas de cinema como o mascote querido Beethoven, ela já era conhecida popularmente em outras regiões. Esse cão de grande porte ficou muito famoso na década de 90 no cinema e em programas de televisão. Tamanha popularidade fez com que fosse adquirido por muitas famílias. Conheça a seguir tudo sobre essa raça tão encantadora.

As principais características da raça São Bernardo sem dúvidas é o seu temperamento brincalhão e amoroso dentro de um cachorro tão gigante. Sua paciência é invejável, por isso que as famílias os deixam com as crianças sem nenhum tipo de preocupação. Aliás, um dos seus apelidos se tornou “babá de crianças”.

Características e condições físicas

O São Bernardo é aquela raça considerada gigante, então se você nunca viu um, chegou a hora. Com um porte de chamar a atenção, ele é resistente e poderoso, com uma expressão facial sempre alerta a tudo o que acontece a sua volta.

Apesar de ser gigante, não são nem um pouco atletas, aliás, os exercícios físicos devem ser administrados de maneira bem moderada e com equilíbrio de gasto de energia, para não os cansar.

O corpo do São Bernardo é bem forte e musculoso, sua cabeça é o que mais chama a atenção, pois sua expressão denota inteligência e atenção. Seu focinho é bem largo e substancial, seus olhinhos são escuros e seu semblante é bem amigável. Suas orelhas são caídas e médias.

Os pelos dessa raça podem ser curtos ou mais longos, o tamanho do porte é semelhante entre as variações da raça, mesmo com essa diferença no tamanho dos pelos.

Conheça algumas condições físicas

  • Expectativa de vida: 10 anos;
  • Média de peso: 63 quilos;
  • Média de altura: 70 centímetros.

Características da personalidade de um São Bernardo

A raça São Bernardo pode assustar um pouco, principalmente por conta do seu tamanho. Mas de agressivo ou assustador, essa raça não tem nem 1 por cento. São cachorros fiéis, muito companheiros, que amam seus donos.

São bem calmos e pacientes, dificilmente você vai ver um cachorro dessa raça, agitado para lá e para cá. Ele é a marca da bondade, amam a família que está inserido e fazem de tudo para agradar seus tutores e donos, embora toda a bagunça e festa seja feita do seu jeito e principalmente no seu ritmo.

Ele é um vigilante nato, mas se não tiver que se locomover muito, aliás a sua teimosia pode ser observada em algumas situações. Adestrá-lo pode ser uma alternativa, então começar desde cedo, é a melhor alternativa.

De todo modo, ele é astuto e vigilante. Portanto, pode ser teimoso em determinadas situações. O mais importante é que seu responsável use técnicas de adestramento para educá-lo em relação à hierarquia e comportamento.

Como é a convivência com essa raça?

A amizade do São Bernardo é um dos detalhes que mais chama a atenção de quem quer adquirir um cãozinho dessa raça. Eles são apegados a família e se dá muito bem com qualquer criança, seja ela do núcleo familiar ou não.

É inegável que a convivência com um cachorro dessa raça é algo incrível e surpreendente, mas é preciso escolher muito bem o local onde ele vai viver. Por ter um porte muito grande, não é aconselhável para as pessoas que moram em locais pequenos como apartamentos.

É preciso ressaltar, que mesmo tendo um porte gigante, ele não é a melhor raça para ser um cão de guarda.

É um cachorro sociável?

O filhote da raça São Bernardo é bem grande, por isso, ter aulas para melhorar a sua socialização desde cedo é importantíssimo. Por gostar de pessoas, a sua tendência de pular nas pessoas é muito grande, então o treinamento serve para educa-lo que este comportamento está errado.

Isso evita que ele derrube uma criança ou alguém de mais idade, por exemplo. É preciso estar atento para não o deixar tanto tempo sozinho, isso pode despertar nele um comportamento nada agradável.

São Bernardo

Cuidados com o bem-estar e saúde do São Bernardo

1 – Escovar os pelos com frequência

As marcações e as cores da pelagem do São Bernardo podem variar bastante. O tom mais encontrado e até mais comum são o branco com pigmentações laranjas, marrons e até avermelhado, com diferentes graduações de cor.

É preciso ter a consciência, que tantos os cachorros de pelos longos, quanto os de pelos curtos, precisam ser escovados quase que diariamente. Esse procedimento ajuda na remoção dos pelos soltos e mortos presentes no corpo. A perda de pelos, aliás, costuma ocorrer duas vezes por ano. Para esses períodos a escovação deve ser feita diariamente.

Procedimentos de higiene

Além da importância de escovar os pelos com frequência, os banhos devem ser dados com frequência também, pois estamos falando de um cachorro grande, que acumula sujeira.

Existem produtos específicos para cada raça, portanto não aplique qualquer shampoo e tome bastante cuidado com as suas orelhas, para que se mantenham limpas e sem fungos ou bactérias.

Limpar as orelhas do São Bernardo pode não ser uma tarefa muito fácil, por isso, não hesite em consultar um profissional capacitado e habilitado para isso.

2 – Cuidados com as unhas

Mesmo fazendo caminhadas em seus passeios diários, as unhas podem não se desgastar naturalmente. Por isso, é fundamental que o dono ou tutor, mantenha as unhas sempre bem cortadas, assim evita possíveis machucados e desconfortos.

3 – Cuidados com os dentes

Doenças na boca, acúmulo de bactérias nocivas e escovações erradas, podem ser a porta de entrada para desconfortos nessa região. Levar o seu cachorro para um médico avaliar é muito importante para a sua saúde.

Os dentes do São Bernardo devem estar sempre bem limpos. Evite o acúmulo de bactérias e doenças bucais no peludo, com escovações regulares. Além disso, o pet deve ser avaliado por um especialista sempre que possível.

4 – Cuidados com a alimentação

Para que o seu cãozinho permaneça saudável e ainda viva por muitos anos, é preciso tomar conta da sua alimentação. Então antes de escolher a sua ração, converse com o Veterinário, ele poderá te indicar a melhor ração. O São Bernardo tem uma tendência a acumular gordura e ficar com sobrepeso, saber escolher a sua ração é fundamental para que a sua saúde se mantenha forte.

Deixe seu Comentário