Raças

Tudo sobre Boston Terrier

Boston Terrier

De porte compacto e pequeno, o Boston Terrier se originou na cidade de Boston, nos Estados Unidos, sendo usados inicialmente como cães de combate a ratos. São cães com forte apelo estético e muito apegados aos seus tutores. Para saber mais, acompanhe o artigo!

A origem do Boston Terrier

Na verdade, não se sabe exatamente a origem do Boston Terrier. Muitos pesquisadores afirmam que é uma raça exclusivamente desenvolvida pelos americanos a partir da cruza de cães britânicos. Alguns, dizem que a raça se originou em Boston, Massachusetts, em 1800.

Independente da teoria, a mais popular e plausível é de que ele foi realmente desenvolvido nos Estados Unidos. Porém, não se sabe ao certo quais cães foram usados para a formação da raça.

Boston Terrier e suas características

É uma raça que possui cabeça grande, olhos redondos e escuros, orelhas empinadas e ausência de rugas. O seu pelo é fino e curto e, além de tudo, a raça não apresenta cheiro característico e tem pouca queda de pelo, o que é um alívio para seus tutores e um incrível ponto a favor da raça. Além do mais, é uma raça de extrema fácil adaptabilidade. Seja uma mudança de cidade, falecimento do tutor, etc, o Boston Terrier conseguirá se acostumar.

Além disso, se dão muito bem com crianças, outros cachorros e, surpreendentemente, gatos. É uma raça extremamente apegada aos donos e fazem qualquer coisa para agradá-los. Justamente por isso, o Boston Terrier é uma espécie canina muito bacana para se ter como companhia. Afinal, é só tocar a campainha da casa e eles já vão prontamente saudar quem está chegando.

Para as pessoas que procuram uma raça dócil, alegre, disposta e companheira, o Boston Terrier é a melhor opção. São extremamente amigáveis e adoram companhia. A única coisa que um Boston Terrier não gosta de fazer e também não sabe, é nadar.

Coloração

Como visto anteriormente, o seu pelo é fino, curto e não cai muito. Porém, as cores são bem variadas e depende muito da cruza da qual nasceu. Em geral, a cor mais popular e mais procurada, ao menos no Brasil, é o preto com branco. Porém, essa raça está disponível no marrom, tigrado, avermelhado, etc.

Geralmente, o pelo branco sempre cobre grande parte de seu corpo passando até mesmo por volta do pescoço, além de ocupar todo o meio da face. As patas também são de predominância branca. Logicamente, alguns cães dessa raça apresentam mais partes brancas e outros menos, são características peculiares da ninhada da qual nasceu.

Temperamento e Personalidade

Descrever a personalidade dessa raça, não é uma tarefa fácil. Isso ocorre, pois não se podem ser comparados com outra espécie de cachorro já vista. O Boston Terrier apresentam uma amabilidade e uma paixão diferente dos outros cães, além da característica de estar sempre tentando agradar ao dono. Além disso, para conseguir irritar essa raça, é preciso muito esforço ou dedicação, pois, caso fiquem irritados, apenas ignoraram o fato e sairão do ambiente.

Outro traço do seu temperamento, é que aprendem qualquer coisa muito fácil e são extremamente fáceis de educar e adestrar. Possuem gosto por aprender e entendem muito rapidamente tudo o que o tutor está tentando dizer. Além disso, são extremamente sensíveis ao tom de voz e conseguem captar com facilidade um tom agressivo ou alegre e, dessa forma, fazem questão de demonstrar no seu rosto se estão chateados ou não.

É uma raça maravilhosa para crianças, idosos e, até mesmo, estranhos. Porém, a sua doçura com estranhos somente ocorre quando ele sente que não há nenhum perigo iminente para sua família. São muito brincalhões e não gostam de ficar sozinhos, pois são apegados e apaixonados demais pela família.

Complicações na saúde do Boston Terrier

Por ser uma raça braquicefálica, pode apresentar problemas em temperaturas extremas. Além disso,  tem dificuldade de realizar a troca de ar e roncam. Por conta do pouco focinho que possuem, acabam ficam com os olhos muito expostos e isso colabora para problemas oculares, como úlcera ocular e catarata.

A surdez também pode ocorrer, mas por algum motivo, é muito mais comum no Boston Terrier de olhos claros. A cauda quando muito enrolada, muito para dentro ou a ausência dela, também pode ser um sério problema. Afinal, pode ser um fator muito doloroso para o animal e pode, até mesmo, infeccionar. Em casos severos, é necessário realizar a amputação ou outra cirurgia.

Como cuidar dessa raça

Alguns cuidados com essa raça podem facilitar muito a vida desses dóceis cãezinhos. Alguns desses cuidados são:

  • Limpar o seu rosto com lenço umedecido todos os dias;
  • Cortar as unhas quando necessário;
  • Banhos ocasionais;
  • Escovar o pelo;
  • Sempre secar MUITO bem o pelo;
  • É tecnicamente fácil cuidar dessa raça, afinal, o Boston Terrier e extremamente dócil e costumam aceitar qualquer coisa.

Exercícios Físicos

O Boston Terrier não é um cão que tem grande necessidade de exercícios físicos, mesmo assim, é importante exercitá-los. Como amam passear, é uma ótima opção levar o seu Boston para dar uma volta em um horário um pouco menos corrido e movimentado. Além disso, amam brincar e se sentirão muito felizes e enérgicos ao interagirem dessa forma com seus tutores.

Porém, é importante lembrar de JAMAIS sair com essa raça de cão apenas em temperaturas controladas e amenas. Esse amigo, como visto anteriormente, possui dificuldade respiratória e pode vir a óbito.

Além disso, quando notar que estão cansados de brincar se exercitar, é preferível parar a brincadeira, oferecer água deixá-lo descansar. Nunca é bom sobrecarregar essa raça.

Preço do Boston Terrier

O preço do Boston Terrier vai depender muito da qualidade de vida de seus pais, avós, bisavós e da ninhada. É sempre importante escolher um local de confiança e que se tenha a certeza de que não há nenhum tipo de maldade ou exploração animal.

Dessa forma, fica muito mais fácil investir em um cão saudável sem contribuir para a violência. O preço para essa raça também varia muito de canil para canil. Porém, há na internet, tabelas de preços disponíveis para quem estiver interessado.

Deixe seu Comentário